quarta-feira, 11 de julho de 2018

Pride Porto 2018

No passado sábado, dia 7 de julho de 2018, as ruas do Porto encheram-se de cores e de fortes vozes dos ativistas a favor dos direitos das lésbicas, gays, bissexuais, transsexuais, entre outros. Por volta das 15:30h já a Praça da República estava repleta de apoiantes da causa, já prontos para iniciar a 13º Marcha do Orgulho LGBT+ do Porto. Enquanto uns chegavam, outros esperavam, tirando fotografias com Drag Queens, amigos e outros participantes, e ainda distribuindo “abraços, beijos e high fives grátis”.


A Praça contava já com mais de 3000 ativistas quando foi dada por iniciada a marcha, por volta das 16:00h. Os apoiantes, das mais diversas idades e orientações, seguiram da Praça para a Rua de Santa Catarina, sempre ecoando gritos de incentivo à liberdade sexual (“LGBT LIBERDADE SEXUAL”), e mostrando o poder da sua comunidade (“ASSIM SE VÊ, O ORGULHO LGBT”).



A marcha, constituída por membros da comunidade LGBT+ e apoiantes da mesma, acabou por terminar duas horas depois, na Praça D. João I, onde a sua gigantesca bandeira foi pendurada nas grades, bem à vista de todo o Porto.
Após vários discursos de apoio à igualdade, de defesa dos direitos humanos e de liberdade de expressão, os ativistas acabaram por se dispersar, ansiando pela after party.

Vários jornais relataram o sucedido, no entanto ainda não foi desta que a televisão deu a devida importância ao movimento.

Sónia Érica Silva
11.07.2018



segunda-feira, 9 de julho de 2018

NOVIDADE| "Destemida"


A Saída de Emergência publica a 13 de julho um livro que vai marcar todos os leitores que gostam da época romana, mas desta vez a novidade é termos uma mulher gladiadora como protagonista da história.

Destemida conta a história de Fallon, a filha mais nova de um orgulhoso rei celta e sempre viveu na sombra da lendária reputação da guerreira Sorcha, a sua irmã mais velha, que morreu em combate quando os exércitos de Júlio César invadiram a ilha da Bretanha.


Na véspera do seu 17.º aniversário, Fallon está ansiosa por seguir os passos da irmã e conquistar o seu legítimo lugar entre os guerreiros reais. Mas ela nunca terá essa oportunidade, já que é capturada e vendida a uma escola de elite que treina mulheres gladiadoras —e cujo patrono é o próprio Júlio César. Numa cruel reviravolta do destino, o homem que destruiu a família da jovem poderá ser a sua única hipótese de sobrevivência. Agora, Fallon terá de ultrapassar rivalidades perversas e combates mortais — dentro e fora da arena. E talvez a maior ameaça de todas: os seus sentimentos proibidos, porém irresistíveis, por Cai, um jovem soldado romano.

domingo, 8 de julho de 2018

#46 S.D.S. Sexo, Drogas e Selfies

Título: S.D.S - Sexo, Drogas e Selfies
Autor: Francisco Salgueiro
Editor: Oficina do Livro 
PVP: 15,90€
Nº de Páginas: 254

Sinopse: " O diário de uma geração em que o risco é levado ao limite.

Joana perdeu a virgindade aos doze anos e é uma das raparigas mais populares do colégio.

Ela e as amigas, aparentemente perfeitas para os pais, escondem um dia-a-dia de sexo com estranhos, sem preservativo, e muitas drogas. Noites levadas ao limite para contornarem o aborrecimento de um quotidiano em que estão sempre agarradas ao telemóvel. 

É o retrato de uma geração que não vive o momento, porque cada instante só lhe parece real se for registado pela câmara de um telemóvel. É a geração que depende das selfies e dos likes. 

Em pouco tempo, a vida da Joana e das amigas toma um rumo inesperado, e entra numa espiral descontrolada que condiciona definitivamente o seu futuro."

A Minha Opinião:

Quero começar por dizer que este foi o primeiro livro de Francisco Salgueiro que li e sem dúvida que me surpreendeu pela positiva.

A história é contada em primeira pessoa, Joana, uma rapariga que têm atualmente dezassete anos e que perdeu a sua virgindade com apenas doze. Está habituada a praticar relações sexuais desprotegida e a consumir drogas como a cocaína. Quando esta decide "assentar" começa a perceber que todas as suas ações tiveram consequências e que terá de aprender a lidar com elas.

Na minha opinião o mote principal deste livro poderá ser "Karma is a bitch" não só por ser mencionado ao longo do livro mas também porque percebemos que, à semelhança da Joana, tudo o que fizermos terá uma consequência, seja ela positiva ou negativa. 

Acho que a obra deveria ser lida por muitos pais pois esta é, sem dúvida alguma, a realidade vivida nos nossos dias apesar de não ser aplicada a todos os adolescentes, tal como o autor tenta mostrar através do Lourenço.

Recomendo a leitura a todos mas aviso que contém cenas e linguagem que podem perturbar os leitores mais sensíveis.

Sem dúvida que fiquei fã do autor e espero nos próximos tempos ler mais obras do autor.

Classificação do Livro: 8,5/10

segunda-feira, 25 de junho de 2018

FILME| A Agente Vermelha

Título: A Agente Vermelha
Título Original: Red Sparrow
Realizador: Francis Lawrence
Elenco: Jennifer Lawrence, Charlotte Rampling, Jeremy Irons, Joel Edgerton
Distribuidor: Big Picture 2

Sinopse: "Dominika Egorova é muitas coisas: Uma filha dedicada e determinada a proteger sua mãe a todo custo; Uma bailarina excecional cuja competitividade forçou o seu corpo e mente até ao limite; Uma especialista em sedução e combate. Quando ela sofre uma lesão que põe fim à sua carreira, Dominika e sua mãe enfrentam um futuro sombrio e incerto. Por esta razão ela acaba por ser facilmente manipulada, tornando-se a mais nova recruta duma agência dos serviços secretos que treina jovens excecionais como ela para usar seus corpos e mentes como armas. Depois de suportar todo o treino perverso e sádico, ela revela-se a mais perigosa agente que o programa já produziu. Dominika terá que conciliar a pessoa que era com o poder que agora detém, com sua própria vida e com todos aqueles com que se preocupa, incluindo um agente americano da CIA que tenta convencê-la de que ele é a única pessoa em quem pode confiar."

A Minha Opinião:

Há muito tempo que digo que sempre que vejo filmes com a Jennifer Lawrence fico sem fôlego e, mais uma vez, Lawrence mostra a excelente artista que é, protagonizando uma personagem que nos prende ao ecrã e nos deixa intrigados.

O filme retoma a temática da Guerra Fria, parte que me agradou bastante, em que a Rússia está a preparar agentes capazes de manipularem o pensamento das pessoas, pois acreditam que a Guerra Fria ainda não acabou. Dominika, numa situação de desespero, acaba por aceitar a proposta de um tio e junta-se a esta escola de ensino de agentes.

O filme tem uma mistura de ação, romance e mistério e o final... É apenas surpreendente! Tem também algumas cenas de teor sexual e outras de violência, que podem chocar os telespectadores mais sensíveis, mas que são sem dúvida necessárias para o desenvolvimento do filme e da própria Dominika.

Simplesmente adorei o filme. Atores fantásticos, uma boa história e uma boa produção e está aqui a fórmula perfeita para se obter um excelente filme! Convido todos a assitirem ao filme e a comentarem comigo aquilo que acharam.

Classificação do Filme: 9,5/10



domingo, 20 de maio de 2018

Karma is a bitch

Olá!

Sim sou eu... Elena Delvaux... Surpreendido? Mas será que deverias mesmo de estar? Põem-te confortável seja lá onde estiveres a ler esta carta que hoje te escrevo.

Como é que tens passado? Imagino que muito melhor do que eu... Não estou a escrever esta carta como forma de vingança. Não penses isso! Apesar de tudo eu continuo a amar-te! Rapariga Estúpida não é verdade?

Diz-me... Porque é que nunca deixaste claro que eu seria sempre a segunda opção? Sim porque agora que já não precisas de mim o telemóvel nunca mais tocou. Os convites desapareceram. Porque tudo isto foi uma mentira... Tu simplesmente não tinhas com quem estar e sabias que eu estava sempre ali para ti. Usaste-me enquanto necessitaste! Fosse para passar o tempo ou para utilizar o meu cérebro e as minhas capacidades intelectuais para aquilo que te convinha. E agora... deitaste-me fora! Como se eu não tivesse mais utilidade. Tiraste-me o chão e tudo aquilo em que eu acreditava. Encontraste alguém que te dá aquilo que tu realmente queres! Sim leste bem! Alguém que te abra as pernas sempre que tu queiras. Eu era apenas a miúda do vestido vermelho que estava sempre disponível.

Espero sinceramente que o projeto em que usaste e abusaste do meu cérebro dê certo. Mas espera... A verdade é que pelo que tenho visto não está a correr assim tão bem. Parece que o karma afinal existe mesmo! Eu sei que quando te cansares da miúda que o meu telemóvel vai voltar a tocar e que os convites vão voltar a surgir do nada. Pode ser que até lá eu ganhe o que é preciso para te dizer que não. Talvez aí me possas dar valor, se é que tenho algum para ti.

Fica bem!

Elena Delvaux


domingo, 4 de março de 2018

O Poder das Palavras

Querido Diário,

Talvez não te deva chamar diário... Já sou um bocadinho velha para isso! Chamar-te-ei Amaia. Não sabia mais como me expressar portanto recorri ao poder das palavras e da escrita mas é mesmo disso que gostaria de falar contigo. De que forma é que algumas palavras têm impacto na nossa vida? Especialmente quando essas palavras, ou frases, ou o que quer que seja, são mentiras? 

Provavelmente deves estar a pensar "Elena deixa-te de merdas! Vais ter de aprender a lidar com mentiras durante toda a tua vida!" mas Amaia essa não é a questão aqui! Eu estou habituada a lidar com mentiras sim, da maior parte das pessoas. Mas nunca daquela pessoa! E a forma como me foi revelada foi demasiado bruta para eu ter tempo de pensar naquilo que tinha acabado de acontecer. No meio disto tudo a culpa é minha... Não passo de uma adolescente anti-social patética que quando gosta de alguém se revela completamente a essa pessoa e está à espera que aconteça o mesmo por parte da outra pessoa. Não passo de uma miúda estúpida não é verdade? Gostava de lhe deixar um recado... "Se um dia estiveres a ler isto fica a saber que nunca pensei que fosses capaz de me mentir por uma coisa tão estúpida como esta. Bastava dizeres que não querias estar comigo... Eu iria compreender! Aproveita bem essa pussy enquanto dura mas quando voltar a explodir não me venhas pedir para resolver as coisas entre vocês de novo."

Se foi um abre olhos? Sim foi! Mas tinha mesmo de ser por parte daquela pessoa? Eu não estava preparada! Não estava! Hoje voltei a tomar aquelas merdas para adormecer. Ainda não fizeram efeito mas espero que não demore muito. Ainda não consegui parar de chorar... Acabei de ter uma recaída! Palmas para mim! Estou demasiado frustrada para pensar nas consequências mas lá terei de arcar com elas... Sozinha... Como sempre.

Não sei o que fazer.

Obrigado por me teres ouvido. Prometo que serei breve a entrar em contacto contigo novamente pois, na verdade, para além de ti quem é que realmente quer saber?

Um beijinho,

Elena Delvaux

terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Eurovision Song Contest 2018: My Top 5 (So Far)

Vamos falar sobre o Festival Eurovisão da Canção...

Depois da nossa estrondosa vitória em Kiev no ano passado com o tema "Amar Pelos Dois" escrito por Luísa Sobral e interpretado pelo irmão, Salvador Sobral, obtivemos 758 pontos, a maior pontuação obtida na história da Eurovisão e vencemos pela primeira vez depois de 53 participações. Fomos também a primeira música, em dez anos, a ganhar no idioma do próprio país. 

Obrigada Luísa! Obrigado Salvador!













Pela primeira vez Portugal será o país anfitrião do concurso que prende milhares de pessoas à televisão, essencialmente, por toda a Europa. A cidade escolhida foi Lisboa e o local o Altice Arena. Teremos a concurso 43 países e o slogan será "All Aboard!". Já são também conhecias as quatro apresentadoras do concurso. 

Todas elas são familiares aos portugueses: Catarina Furtado, Daniela Ruah, Filomena Cautela e Sílvia Alberto. Por fim, foi também revelado um projeto de como será o palco do Altice Arena durante o festival. Tal como todos sabem já foram reveladas algumas músicas e neste post vou-vos apresentar o meu Top 5. 




Canção Nº5 - "Storm" de SuRie - Reino Unido


Canção Nº4 - "Mercy" de Madame Monsieur - França


Canção Nº3 - "Lie To Me" de Mikolas Josef - República Checa


Canção Nº2 - "Oniro Mou" de Yianna Terzi - Grécia



Canção Nº1 - "Tu Canción" de Alfred e Amaia - Espanha




E vocês? O que acham das músicas já reveladas? Deixem-me as vossas opiniões nos comentários!